domingo, março 31, 2013

Fala Multiplicador!

Olá amigos, sou Irivan, idealizador do 
Educadores Multiplicadores. 
 
Hoje, 01/04/2013, estamos dando continuidade a um novo quadro naquele espaço. Estamos nos referindo ao “Fala Multiplicador”, onde um Educador Multiplicador é convidado a participar de uma entrevista. Essa interação nos oportuniza conhecer e aproximar, cada vez mais, os Multiplicadores parceiros.
A entrevistada de hoje é a nossa amiga Rosangela Vali do blog “Rosa.Angel.Aprendizagem”. Lembramos que tem mais entrevistados no Educadores Multiplicadores,confira!

Vamos à entrevista, aproveite!


E.MFale um pouco de você. Quem é Rosangela?
Sou uma pessoa simples que ama a Deus sobre todas as coisas e que procura viver em sintonia de amor e zelo com a família, amigos, profissão e com a nossa mãe natureza.

E.MVocê atua como professora? Conte-nos um pouco do que faz como profissional.
Atualmente atuo como professora na sala de reforço escolar, denominado como Apoio Pedagógico.Atendo crianças dos anos iniciais a partir do segundo ano com dificuldades e defasagens no processo de leitura, escrita e de cálculos matemáticos simples. Faço este trabalho em conjunto com a equipe de especialistas e professores da escola.Atendo as crianças duas vezes na semana, no período de uma hora e meia a duas horas, divididos em dois grupos por dia de no máximo dez alunos em cada. Eles são atendidos no contra-turno. Tenho um dia disponível para planejar,participar de reuniões e realizar encontros com pais e professores.

E.M. Sabemos que a tecnologia é aliada da Educação. Nos últimos anos, temos visto que alguns estados/cidades estão distribuindo tabletes para alunos/professores e equipando as escolas com sala de informática com acesso a internet. Você acha que os alunos e professores estão preparados para tirar proveito destas ferramentas?
Acredito que a tecnologia já se faz presente na maioria das escolas brasileiras. Há atualmente uma grande parcela de professores resistentes a esta ferramenta, talvez por considerarem um desafio novo e com muitos recursos para se apropriarem.Por isso acredito que esta proposta de expandir cada vez mais com materiais de uso coletivo e individual entre professores e alunos requer capacitação, garantir segurança e uso de bom senso para tornar a tecnologia como uma grande aliada na produção do conhecimento.Tenho dois computadores maravilhosos, denominados mesas alfabeto-matemática.São excelentes para o processo de alfabetização e matemática.A tecnologia está aqui,aí em nosso dia a dia.Não podemos ficar alienados.

E.M. Se você não fosse Professora/Educadora, que outra profissão você exerceria?
Com certeza uma comerciante na área de livraria e papelaria.Sou encantada por estas áreas.Confesso, meus pontos fracos, no bom sentido.

E.M. Qual sua opinião sobre o piso salarial do magistério, já aprovado, e o “plano” do Senador Cristóvão Buarque de federalizar a educação básica no Brasil?
Sinceramente, uma vergonha nacional. Professor precisa estudar, se formar, se atualizar sempre e tem nesse descrédito financeiro uma grande desmotivação e consequentemente o desânimo e o afastamento de novos profissionais professores no futuro.Já estamos ficando sem professores em muitas áreas.A sociedade precisa se mobilizar.Escola sem professor não funciona.Federalizar a educação básica não resolve o problema. É só questão do ensino ser prioridade em todas as instâncias.Todos se envolverem e valorizem o ensino como uma das principais prioridades no país.

E.M. Você acha que os profissionais da educação são bem visto pela sociedade? A Sociedade sabe e reconhece o papel desses profissionais?
A sociedade como um todo valoriza e apoia muitas iniciativas na área da educação.Acredito que as famílias podem e devem estar mais próximas dos professores. Falo mais em nível público no qual trabalho há 27 anos.Os filhos na maioria dos casos são colocados sob nossas responsabilidades mais para sermos cuidadores dos mesmos, do que facilitadores e orientadores da aprendizagem acadêmica.

E.M. Você acha que o Professor tem sua parcela de culpa em deixar ou permitir que a sociedade não o valorize?
Penso que sim. Há muitas falas, tendências e divisões entre a própria classe docente.Pessoas preparadas e formadas para serem serem professores e outros não.Ainda somos muito voltados para os saberes dentro da escola.Precisamos mostrar resultados que beneficiem e a sociedade perceba a diferença que a educação faz para todos. Aposto em projetos em conjunto com as comunidades locais.Pais,professores e alunos falando a mesma linguagem e alcançando resultados positivos.Aprender com significado.

E.M. Os governos sabem o deve ser feito para melhor a educação no País: Valorizar os profissionais da educação, oferecer os recursos disponíveis e assistência pedagógica para um bom aprendizado. Em sua opinião, por que eles não fazem?
Falta de vontade política em querer um povo mais leitor, mais culto, mais preparado e exigente de seus direitos e não tão somente cumpridor de seus deveres como cidadãos.

E.M. “Comenta-se que, os professores não comungam das mesmas opiniões, principalmente, quando é para fazer greve e paralisações, disseminando a ideia de que a classe de professores é desunida”. O que você pensa a respeito?
Já fiz paralisações, greves.Atualmente não comungo mais dessas iniciativas.Respeito quem opta,mas na minha opinião os resultados e alcançados são mínimos.Falo com base na minha realidade.Penso que precisamos encontrar outros caminhos para nos valorizarem, começando por nós mesmos.Aposto no diálogo sempre.

E.M. Como você gostaria que fosse o ambiente escolar, especialmente, a sala de aula? O que ela, sala de aula, deveria ter para que o trabalho (de educar) fosse melhor aproveitado?
Um espaço aconchegante, acolhedor, com materiais de leitura, jogos e outros que deixem a criança com curiosidade e vontade de aprender.Dinamizar com trabalhos em grupos.

E.M. Em sua opinião, qual a razão para tanta violência na escola? Qual o real motivo (sua opinião) para com o desrespeito enfrentado pelos professores durante as aulas?
A estrutura familiar em crise.Muitas separações, mãe precisando trabalhar fora, os filhos a mercê de outros, que ficam carentes de valores e modelos positivos dos pais ou responsáveis. Tempo mínimo de convivência com qualidade entre eles.

E.M. Algumas escolas estão sem segurança e sem liberdade de “punir” o aluno quando necessário, de maneira rígida, porém educativa. O que você pensa sobre o projeto de lei que puni o aluno quando agredir o professor/educador? 
Já que há falta de limites, é preciso dar um basta no que está acontecendo. Nesses casos de violência, o aluno está manifestando que algo não está bem. Chamar os responsáveis e cobrar uma posição também deve fazer parte do processo.Punir só não basta. Medidas sócio-educativas também devem ser aplicadas.

E.MO que a motivou a criar um blogue? Qual a finalidade dele?
O incentivo de minha enteada,madrinha do blogue e a finalidade de torná-lo uma ferramenta de trabalho para mim e estendê-la para outros interessados na área da aprendizagem escolar e afins.

E.M. O que você mais gosta na arte de blogar? Qual a parte mais difícil?
Gosto do aprendizado,da pesquisa de conteúdos e atividades na minha área de atuação, da interatividade com pessoas iluminadas e de diferentes áreas.
A parte mais difícil é conciliar tempo real com o virtual e interagir mais com todos que visitam e seguem o blogue.

E.M. Seu blogue proporciona parcerias entre blogs, certo? Qual a forma de divulgação que mais gosta de usar para divulgar seu blogue?
Visitando os blogues conhecidos, conhecendo outros, divulgando e participando de blogues que divulgam blogues.

E.MO que você acha das boas parcerias entre blogues?
Positivo e de muita valia para fazer amizades e trocas de experiências.

E.MOnde você busca inspiração para elaborar suas postagens? Que fontes você costuma pesquisar para embasar suas postagens?
A inspiração está no trabalho como professora alfabetizadora e os desafios com os alunos que precisam de mais estratégias e compreensão de suas dificuldades para se superarem e poderem aprender. Fontes são leituras variadas na NET, em acervo próprio de livros e nas minhas próprias experiências pedagógicas.

E.MSe você puder nos contar, quais são seus projetos profissionais para 2013?
Aprender sempre e criar um espaço pedagógico particular para atender crianças que precisam de reforço e acompanhamento pedagógico especializado.

E.M. Quais são os projetos para o seu blogue? Você tem outros blogues, quais?
Torná-lo mais interativo, multiplicador de informações e fonte de pesquisa. Eu tenho o blogue Psicopedagogia em Ação (www.rosangelavalipsicopedagogia.blogspot.com) e o mais recente MAGIArte Encantos (www.rosangelamagiarte.blogspot.com), o qual aproveito para que fosse divulgado aqui no Educadores Multiplicadores, no tema Artes.Fico na expectativa e no aguardo.

E.MDeixe dicas para os Multiplicadores de como um(a) blogueiro(a) deve fazer e do que não deve fazer para ter um bom blogue.
Um blogueiro deve construir um blogue sobre um tema que goste e torná-lo mais significativo para si e para outras pessoas que estejam afim.Seguir outros blogues e participar dos mesmos.O que não se deve fazer é não ter tempo e um tema definido.Só pedir amigos seguidores e não seguí-los. Postar temas de outros, sem dar os devidos créditos.

E.M. Deixe seus agradecimentos aos seus leitores e seguidores.
A Deus sou grata pela oportunidade de fazer parte deste mundo virtual que torna o real tão mais significativo e feliz.
Obrigada professores e educadores!
Obrigada seguidores!
Obrigada visitantes!
Contem sempre comigo!
Rosangela L. S. Vali

Queremos agradecer a você, Multiplicadora Rosangela, pela entrevista. Dizer que desde o início das atividades no E.M., você tem sido uma das parceira mais atuante e que tem contribuído bastante para o crescimento e divulgação do Educadores Multiplicadores.
Deixo também convites aos professores e profissionais da educação, que tenham blog com conteúdos voltado para a educação, a fazerem parte da família Educadores Multiplicadores.

Muito obrigado a você e aos seus leitores

Parcerias Especiais!

http://www.contosearte.com/

Virginia Maria Pereira da Rocha


http://www.pedagogiadascores.com.br/

Solange Depera Gelles



EU em ENTREVISTA- Educadores Multiplicadores!

Arquivo de POSTAGENS:

Mimo no BONIFRATI...



Usando a criatividade,
todo mundo pode pensar diferente.
Que 2 + 2 são dois patinhos.
E até detrás para frente.
Se permitir criar,
Tudo pode mudar.

Seja arte, escrita, música.
Receita, caminho, solução.
O que importa é pôr a mente para funcionar
e dar à luz a imaginação

Melhor ainda, se arriscar.
Tomar coragem e compartilhar.
Deixar vir ao mundo e ao mundo mostrar.

Nada que fica na gaveta,
pode trazer boas coisas para o planeta

Abra a sua caixa secreta.
E mergulhe na mente, a sua biblioteca.
Criar é concretizar ideias.

Linguagem Escrita!

"...a escrita deve ter significado para as crianças, uma necessidade intrínsica deve ser despertada. Nelas, a escrita deve ser incorporada a uma tarefa necessária e relevante para a vida. Só então poderemos estar certos de que ela se desenvolverá não como hábito de mão e dedos, mas como uma forma nova e complexa de linguagem".
Vygotsky.

Professores!

A arte torna o trabalho educativo interessante, atraente e sedutor. Para tornar os alunos mais sensíveis e despertá-los para um mundo novo de sensações, o talento e a flexibilidade do professor, da sua arte, dependerá o êxito da sua missão.

Alegria....alegria!

ALFABETIZAÇÃO

O processo de alfabetizar é apaixonante,
antes de tudo é um ato de amor,
coragem e persistência. Pelo simples e
talvez o mais gratificante fato
de permitir ao ser pensante a liberdade
de construção da sua própria história.






CONSULTE o IDEB 2014.É só clicar no selinho ou no link.Conte comigo!

SELINHOS 2012! Obrigada!

Da amiga Leila Bambino!

Glitter Photos
Ganhei da amiga Claudia! Obrigada.
Glitter Photos
Da amiga GISELA.Obrigada!
Da amiga Viviane,Obrigada!
SELINHO A RECEBER... selo4 Glitter Photos Glitter Photos
Selinho pra você!Glitter PhotosSelinho Amigo a todos os Parceiros do Blog "Educando Com Amor"...
Selinho Compartilhado
da Parceira BIA!
Espaço para Educação
Obrigada Amiga Gracita!
Obrigada Amiga Adriana!

Seguir por e-mail

Torcedora FELIZ! Bom D +!

TORCEDORA APAIXONADA!

Vida Divina! Vida Cotidiana!

Kids
See full size image Imagem15 300x183 A ESCOLA DE ATENÇÃO ÀS DIFFERENÇAS

Orar...refletir...imagens que dizem!

ORAÇÃO pela Saúde:
Senhor Deus de amor,Pai de bondade,nós vos louvamos e agradecemospelo dom da vida,pelo amor com que cuidais de toda a criação.Vosso Filho Jesus Cristo,em sua misericórdia, assumiu a cruz dos enfermos e de todos os sofredores,sobre eles derramou a esperança de vida em plenitude.Enviai-nos, Senhor, o Vosso Espírito.Guiai a vossa Igreja, para que ela, pela conversão se faça sempre mais, solidária às dores e enfermidades do povo,e que a saúde se difunda sobre a Terra.Amém.






Gratidão e Interação!